Como lavar as mãos corretamente

Na luta contra o novo coronavírus, lavar as mãos pode salvar inúmeras vidas
por Thieny Molthini05/05/2020

Dia 5 de maio é o Dia Mundial de Higienização das Mãos e, neste ano, em especial, esta data precisa – e muito – ser lembrada. Em meio à pandemia no coronavírus, o simples ato de lavar as mãos corretamente pode salvar vidas.

“A higienização das mãos é o princípio mais básico da biossegurança”, explica Anna Luiza Gryschek, professora doutora da Escola de Enfermagem da Universidade de São Paulo.

É a lavagem de mãos que garante a segurança hospitalar, a fim de reduzir infecções. No entanto, hoje, precisa fazer parte da rotina de todas as pessoas para diminuir o contágio da COVID-19.

“Com a lavagem de mãos e o uso de máscaras, acredito que podemos reduzir muito a contaminação pelo novo coronavírus”, comenta a especialista.

Lave as mãos com atenção

Além do passo a passo para garantir a higienização completa das mãos, é importante ter em mente o tempo que precisamos dedicar a esse momento. A lavagem de mãos com água e sabão deve levar de 40 a 60 segundos. Agora, se for fazer uso de álcool em gel a 70%, 20 segundos são suficientes. “O vírus tem uma camada externa lipídica (gordura) e esse tempo é importante para emulsionar o sabão com a água, espalhar em todas as partes das mãos e romper essa barreira de gordura”, explica Anna Luiza Gryschek.

Punhos, no entanto, já são pontos mais “flexíveis” da higienização. “O que nós queremos enfatizar é que as mãos fiquem bem limpas”, ressalta.

Como lavar as mãos corretamente

Veja como lavar as mãos corretamente nesse vídeo que a turma de Biossegurança da Escola de Enfermagem da USP preparou para o Dia Mundial de Higienização das Mãos:

“Se você lavar as mãos sempre que encostar em alguma superfície ou assim que retornar do mercado, por exemplo, você evita a sua contaminação. Além de reduzir as chances de transmissão do vírus, já que impede que você transfira o vírus para outras superfícies”, ressalta.